Ela é tão importante quanto qualquer outra peça: veja como criar diferenciais com a cadeira para área externa!

Se você também acha que cadeira é tudo igual, é porque ainda não percebeu a importância que ela tem na decoração da casa. Há vários tipos e modelos, mas quando se trata de cadeira para área externa a escolha deve seguir alguns critérios especiais.

Antes de mais nada, é importante definir o propósito da sua área externa ou projeto rooftop. O ideal é que a peça seja integrada de forma harmoniosa aos demais móveis para criar uma bela composição, mas a utilidade do espaço é fundamental para a escolha do modelo.

Por isso, a cadeira para área externa não basta ser bonita. Ela deve unir funcionalidade e durabilidade ao conforto e elegância, agregando valor ao espaço ao propiciar bons momentos de descanso e lazer.

Atenção ao material da cadeira para área externa

Você já deve saber que os móveis para área externa devem ser resistentes às mudanças climáticas – e a cadeira não é exceção. Isso não se aplica apenas às peças que ficarão diretamente ao ar livre, como os móveis para piscina, por exemplo.

O ideal é que as cadeiras que ficam sob coberturas, como em uma varanda ou pergolado, também sejam resistentes ao tempo, ainda que não necessitem de tanta proteção.

Isso acontece porque, apesar de não haver exposição direta ao sol e à chuva, geralmente os móveis acabam sendo atingidos pelo calor intenso, pela umidade e pelo vento, que ressecam o material com o passar do tempo.

As cadeiras de madeira, por exemplo, precisam de um tratamento específico para poderem ficar expostas ao sol e à chuva, ainda que indiretamente.

Mesmo assim elas demandam manutenção constante, que além de trabalhosa se torna um gasto desnecessário quando há outras opções mais bonitas e adequadas para a área externa no mercado.

Fibra sintética é a melhor opção

As fibras sintéticas são a melhor alternativa à fibra natural, que desgasta muito rapidamente quando não está muito bem protegida em um espaço interno.

Além de terem longa vida em locais abertos, elas não desbotam facilmente e são muito fáceis de limpar. Por isso são ideais para projetos rooftop, jardins, área gourmet, cozinha de estar, casa de conceito aberto e piscina, por exemplo.

Conforto é e sempre será fundamental

Outra questão importante para se decidir pela cadeira para área externa é o conforto que ela oferece para a função que você quer que ela desempenhe.

Na área da piscina as pessoas costumam sentar molhadas, por isso a cadeira deve propiciar o escoamento da água do corpo sem poças.

Assim a fibra sintética do assento deixa a água escorrer para o chão naturalmente, tornando o estar mais agradável.

Os modelos Juréia e Toscana, são dois ótimos exemplos, oferecendo conforto com muito estilo e bom gosto com o despojamento que o local pede. Ambos combinam com perfeição com as mesas Saara ou Brava, por exemplo.

Já para a área gourmet da área de lazer, onde as pessoas costumam ficar mais tempo conversando e degustando, o ideal é que a cadeira seja estofada, oferecendo ainda mais conforto e com mais sofisticação.

No entanto, ainda assim é interessante que o tecido seja resistente e fácil de limpar, aumentando sua vida útil, como o tecido náutico.

Aqui os modelos Ilha Bela e Faro ilustram bem essa ideia. Eles ficam perfeitos em mesas como a retangular Grécia ou a redonda Canadá, ambas com tampo de peroba rosa de demolição.

Use o mobiliário para deixar o ambiente mais alegre

A cadeira para área externa deve unir beleza, funcionalidade e conforto, mas também devem servir para levar mais alegria e leveza ao ambiente.

Uma das vantagens da fibra sintética é a possibilidade de personalizar os móveis de acordo com o seu projeto, criando combinações únicas de cores.

Assim, é possível decidir não só a cor da fibra sintética, mas também a cor da pintura eletrostática da estrutura de alumínio, ou ainda optar pela pátina ferrugem, um acabamento diferenciado da Villa Rattan.

Como a área de lazer é um local de diversão e tranquilidade, procure usar as cores para influenciar no humor das pessoas, elevando o astral. A cadeira Jureia Balaiada é um bom exemplo.

Procure combinações equilibradas. Se optar por tons escuros, como azul-marinho ou marrom, equilibre a decoração com plantas, almofadas com estampas em cores vivas ou florais, ou ainda com o tecido náutico em tom claro.

Na hora de escolher a cadeira para área externa, pense também nos detalhes. Móveis artesanais, com design diferenciado, sempre criam uma atmosfera mais envolvente e personalizada.

Há clássicos do design que merecem ser revisitados, como o icônico pé conificado. Sucesso absoluto na história do mobiliário moderno, os eternos pés cônicos dão mais leveza aos ambientes, tornando as composições ainda mais especiais.

A Villa Rattan tem uma linha completa de móveis com pés conificados, inclusive nas cadeiras. O modelo Ilha Bela é um dos que trazem esse diferencial da marca.

Pense em outras funcionalidades

Por fim, uma dica especial para quem tem piscina na área de lazer: aproveite para escolher cadeira para área externa que também pode ser colocada na água.

Para quem tem piscina com prainha essa é uma solução funcional e elegante – e que também é uma grande tendência.

Nesse caso a escolha deve recair sobre as cadeiras de fibra sintética com estrutura de alumínio, que são totalmente resistentes à água clorada. Escolha uma mesa de alumínio, como a Guatemala, que também pode ficar na água.

É uma ótima oportunidade de criar um ambiente extra descontraído e com a cara do verão na sua área externa.

Quer conhecer mais modelos de cadeiras para área externa e se inspirar no design exclusivo da Villa Rattan? Basta dar uma conferida no Instagram e a continuar acompanhando nosso Blog para receber sempre as melhores dicas e novidades!

Deixe uma resposta