Que tal deixar o visual da casa mais personalizado? Veja como escolher a cor da fibra sintética e criar uma décor exclusiva!

Quando chega a hora de renovar o visual da casa e você quer sair da mesmice com uma decoração personalizada, que reflita seu modo de ser, a pesquisa é fundamental. E é nessa hora que você se depara com os móveis de fibra sintética e se apaixona ainda mais ao perceber a variedade imensa de combinações que podem ser feitas. E é aí que bate a dúvida: com tantas opções, como escolher a cor da fibra?

Conheça as principais tendências e como usá-las para escolher a cor da fibra sintética

Uma saída é usar o velho truque e se manter nos tons neutros, claro. Mas vamos ser sinceros: com a riqueza das tramas artesanais, da variedade de cores dos fios, do tecido náutico e da pintura eletrostática do acabamento, é praticamente irresistível fugir do lugar-comum.

É quando você começa a imaginar aquela poltrona Oregon em tricô náutico salmão dando um toque de cor em meio à madeira, ou o seat garden sextavado em trama balaiada fina vermelha iluminando a varanda, por exemplo.

Só de pensar que tudo pode ser totalmente personalizado para compor um décor exclusivo a veia criativa começa a pensar em mil possibilidades.

No entanto, para fazer escolhas mais acertadas, não custa nada dar uma espiada no que dizem as tendências para 2021. Veja o que dizem algumas empresas especializadas, como a WGSN, por exemplo, e conquiste resultados cheios de estilo!

Foco no bem-estar e na tranquilidade

Mais do que nunca o foco da decoração está no bem-estar em casa, por isso estão em alta as cores que remetem à natureza, à paz e à tranquilidade.

Nesse sentido, o verde é um elemento forte na decoração, em todas as suas tonalidades, mas especialmente os tons mais pálidos e frios, que também têm um toque futurista.

Pesquisa entre a WGSN e a Coloro mostram as principais tendências já para o outono-inverno 21-22. De acordo com as empresas, o foco da decoração está em produtos que devem durar uma vida – bonitos, confortáveis, mas também duráveis, como os móveis de fibra sintética.

Assim, os tons também devem resistir à passagem do tempo. Na cartela de cores, o mood é a tranquilização das pessoas em tempos de incertezas, com tons que refletem conforto, contemplação, calma e energia, variando entre o natural e autêntico, e o digital e saturado.

Assim, além do verde, o azul também se destaca, despertando sensações de bem-estar e tranquilidade, mas também fazendo uma conexão com o mundo tecnológico.

Na visão da WGSN, o A.I. Acqua permanece em alta, uma cor bem saturada e com apelo sustentável, lembrando um céu de verão.

O despertar de sensações: aconchego, alegria e ânimo

 As tendências em decoração também apontam para tons que despertem sensações e respostas para sentimentos de alegria, vivacidade e aconchego.

Nessa paleta entram os tons mais quentes, principalmente na área externa e nos espaços de estar, revigorando os ânimos.

Aqui, entram o vermelho em todas as suas variações; os tons de amarelo mais claros, que lembram a luz do sol; e o laranja.

A WGSN aposta especialmente nos vermelhos mais escuros, com toques amarronzados para o outono 21-22, e o Eletric Magenta, um tom que remete às frutas vermelhas, bem parecido com o bordô invernal.

Neutros também aparecem

Claro que na paleta de tendências as cores neutras não poderiam ficar de fora. Elas podem surgir tanto como base para as demais como protagonistas do décor.

Na hora de escolher a cor da fibra, leve em conta os cinzas, cuja versão mais escura é a personagem principal da paleta neutra. A cor representa o universo clássico, o estilo minimalista e também remete à tecnologia e à sustentabilidade.

Para a WGSN a representante desse conceito é a Dark Springs, uma cor profunda de preto com toques verdes, duas cores cuja combinação também é tendência forte para os próximos anos.

Há ainda a Golden Harvest um tipo de fusão entre outra combinação tendência na linha neutra: bege, cru e amarelo.

Fica a dica

Para escolher a cor da fibra, do acabamento e do tecido você há pelo menos dois truques para não errar:

  • Contraste – Use uma das cores fortes entre as tendências e uma das cores neutras, apostando no contraste: cinza com vermelho, bege com azul, etc. O visual fica mais moderno e contemporâneo.
  • Semelhança – Aposte nos tons semelhantes: amarelo e laranja, verde e cinza, etc. Ao utilizar cores que compartilham a mesma matriz você cria uma unidade estética, garantindo a harmonia na decoração. Aqui, o visual fica mais sofisticado e clássico.

Agora que você já sabe como escolher a cor da fibra, venha conhecer todas as possibilidades de personalização dos móveis de fibra sintética da Villa Rattan e não esqueça de acompanhar nosso Blog para receber sempre as melhores dicas de decoração!

Deixe uma resposta