Veja como atualizar a decoração com os móveis de fibra sintética dando um toque da arquitetura contemporânea à sua casa!

Muito se ouve falar e se lê na internet, mas você sabe mesmo o que é a arquitetura contemporânea? Para quem gosta de ver sua casa sempre atualizada e decorada com personalidade, é interessante saber um pouco mais sobre esse importante movimento artístico.

Na verdade, suas principais características influenciam diretamente o design de móveis, principalmente porque a arquitetura contemporânea não tem uma linguagem única. Assim, ela é extremamente versátil, além de agregar diversos valores que hoje estão mais fortes do que nunca, como sustentabilidade, tecnologia e contrastes.

Mais do que um estilo, esse movimento promove a integração de elementos novos e antigos, propondo um diálogo de releituras que só enriquece a decoração e o design.

Veja mais sobre o movimento e inspire-se para fazer a sua decoração!

O que é arquitetura contemporânea?

A arquitetura contemporânea surgiu entre o final os anos 80 e o início dos 90, criando expressões inéditas de estilos e significados passados ao explorar a comunicação entre elementos novos e antigos.

A ideia é ir além da estética e do puro conceito de design, com foco na pluralidade, incorporando tecnologias e resgatando velhas tradições a seu jeito.

É comum a confissão entre arquitetura contemporânea e moderna, mas elas não são a mesma coisa. A primeira faz referência ao estilo surgido no século XX, que rompe com a arte clássica e conservadora do século XIX e adota o minimalismo, com materiais como vidro, concreto e metais, como o alumínio, mantendo sua identidade aparente.

Já a segunda preza a funcionalidade pelo conforto, priorizando o cotidiano, os hábitos e as preferências do morador. O design é mais pessoal, com espaços harmonizados através de cores e texturas – como a balaiadaDNAcordão torcidovazada ou paralela e fechada, por exemplo.

Como dar um toque contemporâneo à decoração da casa

Os móveis são parte fundamental do movimento, agregando valor à arquitetura contemporânea. Conhecendo suas principais características é possível criar uma decoração personalizada com toque contemporâneo.

  • Casas minimalistas e integradas

     

Casas de conceito aberto, espaços integrados e decoração minimalista, onde o menos é mais, prezam a funcionalidade sem abrir mão da estética.

Os projetos privilegiam clarabóias e grandes janelas, fartura de iluminação natural, estruturas limpas, formas geométricas e o uso do mobiliário para criar áreas de interesse visual e a integração dos espaços.

Os móveis fibra sintética, por exemplo, transita, com estilo e conforto por áreas externas e internas, dando continuidade aos ambientes de forma harmônica.

As linhas limpas e sofisticadas dão destaque aos ambientes, enquanto as formas geométricas valorizam o estilo contemporâneo, como na mesa Brava, na poltrona Veneza ou na cadeira Amazônia.

  • Tecnologia agregada à decoração

     

A arquitetura contemporânea agrega a tecnologia ao processo criativo, aperfeiçoando o design e utilizando programas para simular a resistência dos materiais e melhorar a eficiência do resultado final.

Na decoração, ela deve estar presente na produção dos móveis e peças decorativas produzidas com bons materiais e acabamentos, como a pintura eletrostática dos móveis de fibra sintética da Villa Rattan, aplicada com perfeição na superfície da estrutura de alumínio após ser aquecida em um forno a 200°C.

Já a fibra sintética contém polímeros virgens aditivados com estabilizantes anti-UV e pigmentos inorgânicos com alta resistência à luz, intempéries e temperaturas. Testes da Universidade de Stanford foram realizados com intenso bombeamento de raios ultravioleta e cloro por 7 minutos sem que houvesse qualquer alteração no produto.

Da mesma forma, tanto a corda náutica quanto o tricô náutico também recebem tratamento contra os raios ultravioleta para proteção e prolongamento da sua vida útil.

Dessa forma os móveis de fibra sintética apresentam ampla durabilidade, mantendo o aspecto de novo por muito mais tempo graças à tecnologia integrada à sua produção.

  • Sustentabilidade aliada ao design

A arquitetura contemporânea usa o conceito de sustentabilidade para promover a harmonia entre a construção e natureza, com paisagismo exuberante, uso farto da iluminação natural e valorização das áreas externas e de lazer.

A decoração também deve prezar pelo uso de materiais recicláveis, naturais e sustentáveis, como bancadas de granito, bambus, telhados vivos, tintas menos tóxicas e produção responsável.

Há ainda valorização do trabalho artesanal, dos materiais resistentes, que evitam a troca e o descarte compulsivo, como o tecido náutico e as fibras sintéticas.

  • Alto padrão nos elementos, contrastes e design arrojado

Apesar de fomentar o minimalismo, a simplicidade e os trabalhos artesanais, a arquitetura contemporânea requer a utilização de elementos de alto padrão de produção e acabamento, valorizando a beleza e o conforto.

A liberdade é outra grande característica da arquitetura contemporânea, que chega a ser descrita, muitas vezes, como o “caos controlado”. Saindo do pós-modernismo, ela deixa as formas lineares para focar em um design impactante, futurista e repleto de contrastes.

Assim, o design arrojado, como das poltronas AlmadaAthenasIlhéusMillennium, por exemplo, dá mais personalidade aos ambientes, atualizando a decoração.

Já os contrastes podem ser conseguidos no contraponto de peças artesanais, em acessórios de fibras naturais, por exemplo, valorizando a mão-de-obra local, e móveis de fibras sintéticas.

Dessa forma, a arquitetura contemporânea não é limitada a um estilo, não tem uma linguagem única, permitindo que você faça a sua própria releitura dos elementos decorativos de acordo com a sua percepção de beleza e personalidade.

Quer encontrar mais exemplos de móveis artesanais de fibra sintética? Venha visitar a loja da Villa Rattan online e conheça nossos ambientes decorados pelo Instagram!

Deixe uma resposta